José Manuel Fernandes defende Agência Europeia do Medicamento em Braga

Grupo de deputados do PSD quer EMA em Coimbra

Os eurodeputados do PSD Paulo Rangel e José Manuel Fernandes criticaram a proposta do Governo de ser instalada em Lisboa a Agência Europeia do Medicamento (EMA) e lançaram uma petição pública sugerindo Porto ou Braga.

Numa carta dirigida ao presidente da Câmara do Porto na última quinta-feira, divulgada esta terça-feira, António Costa diz ser "o primeiro a lamentar não ter sido possível candidatar o Porto porque muito gostaria de também, por esta via, contribuir para reforçar a crescente internacionalização da cidade".

Costa cita na carta "a conveniência da proximidade do Infarmed, agência nacional do medicamento" e o facto de "ser fator de preferência a existência de Escola Europeia, que só Lisboa poderá vir a ter, beneficiando da sinergia da preexistência de outras agências europeias".

Em comunicado enviado à agência Lusa, a Porto Autêntico defendeu que os argumentos apresentados pelo primeiro-ministro para candidatar Lisboa a acolher a Agência Europeia do Medicamento (EMA) "não são válidas".

"Eu julgo até que se devia decidir que Lisboa não era a melhor opção e depois olhar para as outras cidades do país que estão em condições do fazer, seguindo exemplos de outros países que não concentraram as agências europeias nas capitais, pelo contrário, diversificaram e com isso incentivaram a uma melhor distribuição no território do investimento, conhecimento, emprego, etc", afirmou Catarina Martins, em Guimarães, à margem de uma visita a um bairro social.

O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, revelou na reunião camarária de 16 de maio ter escrito ao primeiro-ministro a "mostrar o interesse" em acolher a sede da EMA.

A candidatura autárquica Porto Autêntico, uma coligação que une PSD e PPM para as eleições autárquicas no Porto, acusou o primeiro-ministro de continuar a agir como se fosse presidente da Câmara de Lisboa.

"As razões invocadas por António Costa não são válidas porque a criação de uma escola europeia não depende da instalação da EMA em Lisboa, e nada impede que o Infarmed continue em Lisboa e a EMA se instale no Porto", refere a Porto Autêntico.

Entretanto, hoje mesmo, a Câmara do Porto aprovou por unanimidade criar um grupo de trabalho para candidatar a cidade a acolher a Agência Europeia do Medicamento (EMA), mas apenas se o Governo garantir "rever" a decisão de candidatar Lisboa.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Vários feridos devido a tiroteio numa estação de metro perto de Munique
A polícia adianta, através da rede social , que a situação está controlada e que foi criado um perímetro de segurança na zona. De acordo com o Deutsche Welle , o suspeito tirou a arma à agente, que terá 26 anos, e baleou-a na cabeça.

Fernando Santos encara Taça das Confederações prova com "fé" e "grande confiança"
Portugal realiza hoje o primeiro de três treinos em solo luso antes de viagem para a Rússia, que está agendada para quarta-feira. Temos de ter muita atenção para o que devemos fazer contra cada adversário.

Político republicano é baleado durante treinamento de beisebol nos EUA
O presidente dos EUA colocou de lado as diferenças que poderia ter com todos os que foram, de uma forma ou de outra, afetados. Trump descreveu o senador c omo "um patriota e um amigo verdadeiro" e disse que "nossos pensamentos e orações estão com ele".

Costa não recua na nomeação do amigo Lacerda Machado para a TAP
A nomeação de novos corpos sociais para a TAP está a gerar desconforto nos partidos de esquerda que apoiam o Governo. O que o leva a aceitar o convite para vogal da TAP é, para Lacerda Machado, "o mesmo sentido de serviço público".

Outras notícias