Ato 'Grito dos Excluídos' reúne movimentos sociais em Teresina

Manifestantes também desfilaram com bandeiras faixas e carros de som

Há mais de dez anos organizando o Grito do Excluídos em São Paulo, a CMP, Central dos Movimentos Populares, espera reunir cerca de 10 mil pessoas na Avenida Paulista, em São Paulo. O Grito dos Excluídos vai encerrar a participação com um ato público em que serão abordadas as principais pautas levantadas no evento. Tragam suas bandeiras e instrumentos musicais. Essa crise é empurrada pelo sistema capitalista neoliberal excludente e nós nesse ato estamos dando o verdadeiro grito do povo brasileiro. Este ano, a 23ª edição do ato traz como tema "Vida em primeiro lugar" e o lema "Por direito e democracia a luta é todo dia!"

A manifestação contará também com atividades culturais, assembleia geral e simulação de um Tribunal Popular do governo de Michel Temer. Estão sendo retirados direitos sobretudo de trabalhadores e aposentados.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Edital do Concurso STM 2017 tem divulgação adiada
São ofertadas 20 vagas e remuneração de R$ 6.376,41 e R$ 10.461,90, ambos com carga horária de 40 horas semanais. Nível superior faz a prova de manhã e nível médio faz a prova à tarde.

Pyongyang responderá com dureza às novas sanções — Rússia alerta
Não estava imediatamente claro se o esboço de resolução tinha o apoio da China, aliada norte-coreana. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.

Rússia alerta: Pyongyang responderá com dureza às novas sanções
Com o apoio do Reino Unido e de França, os Estados Unidos anunciaram querer que esta resolução seja adotada na próxima segunda-feira, 11 de setembro.

Trump. Opção militar contra a Coreia "não é a primeira escolha"
Ao comentar o telefonema, Trump disse que a "conversa foi muito boa". Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.

Outras notícias