Leandro Daiello permanecerá à frente da Polícia Federal

Daiello fica na PF 'o tempo que for necessário', afirma ministro

Apesar da pressão do governo Temer para trocar o comando na Polícia Federal, o diretor-geral da corporação, Leandro Daiello, permanecerá por mais um período à frente da instituição. Segundo Torquato, o diretor-geral deve continuar pelo "tempo que for necessário". Antes de decidir pela permanência de Daiello no comando da Polícia Federal, Torquato Jardim já deu declarações à imprensa admitindo que poderia efetuar trocas no alto escalão da corporação, que ganhou destaque nos últimos anos em razão das investigações no âmbito da Operação Lava Jato.

Torquato Jardim justificou a decisão como uma necessidade para manter projetos como o Plano Nacional de Segurança Pública em andamento. No entanto, por trás dos panos, o PMDB buscava esvaziar a Lava Jato.

Daiello comanda a PF desde janeiro 2011, quando teve início o primeiro mandato da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). O próprio diretor-geral já comentou o desejo de colocar o cargo à disposição e se aposentar. Sua saída é especulada desde maio de 2016, quando Michel Temer assumiu o Planalto.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Liga da Justiça: Matthew Vaughn confirma sequência de "Man Of Steel"
Eu estou planejando um outro Kingsman , eu escrevi o primeiro tratamento e o roteiro de produção de algumas das cenas. Eu não sei o que eu vou fazer a seguir, mas eu tive conversas sobre Superman , eu amo Superman .

Jornalista Marcelo Rezende morre aos 65 anos
Nascido a 12 de novembro de 1951, no Rio de Janeiro, Marcelo Luiz Rezende Fernandes não queria saber de estudar na adolescência. Mãe da pequena Giovanna, ela mostrou apoio ao repórter, que ganhou também mensagens positivas de Geraldo Luís e Milton Neves.

ONU condena novo teste balístico da Coreia do Norte
Seul respondeu com testes militares que incluíram o lançamento de mísseis Hyunmu no mar do Japão, segundo o ministério da Defesa. Segundo se soube pouco depois, o míssil foi lançado em direcção ao Japão e terá saído da zona de Sunan, na capital do país.

Pessoas são atacadas com martelo na França
Duas mulheres foram atacadas por um homem com martelo ao final da manhã desta sexta-feira na cidade francesa de Saône-et-Loire. O atacante, que apresentava-se vestido de negro e que gritou "Allah Akbar" (Alá é Grande), conseguiu fugir.

Outras notícias