Ronaldinho Gaúcho quer se candidatar ao Senado em 2018

Alexandre Guzanshe  EM  D.A Press

O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho vai se candidatar ao Senado pelo Distrito Federal nas eleições de 2018, de acordo com o jornalista Ricardo Noblat. O ex-atleta contratou um empresário para a função. A informação foi veiculada no Blog do Noblat nesta sexta-feira (15). Haverá duas vagas de senador em disputa. Sua ideia inicial era buscar apoio do PRB para a vaga, já que o número do partido é 10, o que facilitaria a criação do slogan: 'Ronaldinho é 10', em referência à legenda e ao número de sua camisa.

No vídeo, divulgado em suas redes sociais, Álvaro Dias diz que não conversou com Ronaldinho, mas foi procurado por "pessoas que se dizem autorizadas por ele".

Mas tem mais partidos de olho no jogador.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Crocodilo arrasta e mata jornalista enquanto ele lavava as mãos
O diretor-executivo da publicação o descreveu como " um jovem jornalista talentoso, dedicado e cheio de energia ". A autópsia oficial deverá realizar-se ainda hoje e só depois será confirmada a causa de morte.

Sofrer ataques é o custo por enfrentar modelo político corrupto — Janot
A cerimônia de posse será na PGR e terá a presença do presidente Temer, da presidente do STF, Cármen Lúcia e outras autoridades. Esta sexta-feira (15), último dia útil de Rodrigo Janot à frente da Procuradoria Geral da República será de bolo e despedidas.

China evita condenar de forma explicita último lançamento de um míssil
A Alemanha manifestou que a resposta deve ser dura, para que a Coreia do Norte desista de seu programa de armamento nuclear. A presidência sul-coreana convocou, de imediato, uma reunião do Conselho Nacional de Segurança devido ao lançamento.

Chrome irá deixar de reproduzir automaticamente conteúdos com som
Eles já perduram há bastante tempo na rede, mas agora a Google quer acabar com isso - ao menos para os usuários do Chrome . Com estas mudanças, a Google apresenta uma frente de reprodução automática unificada em dispositivos móveis e desktop.

Outras notícias