Sport vence sai do Z4 e dá salto na classificação

Luxemburgo elogia jogadores e pede apoio da torcida até o fim do Brasileirão

A sétima derrota rubro-negra aconteceu nesta quinta-feira de dia das crianças, o algoz da vez foi o Sport, que venceu por 2 a 1, pela 27ª rodada do certame nacional.

Caíque fez uma defesa salvadora no minuto 38.

Aos 45 minutos, o Sport abriu o placar.

Três minutos depois o colombiano marcou o segundo gol leonino, numa jogada que contou com um belo passe de André para Diego Souza, que deu uma bela arrancada e foi inteligente ao servir o companheiro mesmo estando de frente para o goleiro.

Apesar da posição delicada e do retrospecto não muito animador, os dois times fizeram um primeiro tempo movimentado no Barradão, com chances de gol, boas defesas de Caíque e Magrão, e polêmica -os donos da casa reclamaram de pênalti em Neilton, não marcado pela arbitragem.

O confronto começou com as duas equipes se estudando bastante, mas com o Sport partindo mais em direção ao ataque na tentativa de surpreender, enquanto o Vitória se fechava para não correr riscos. Aos 20′, Diego Souza recebeu lançamento em profundidade e achou Lenis livre para completar. Desta vez, o Rubro-Negro baiano não fez má exibição, mas não conseguiu parar o Sport, que se encontrou no jogo e venceu por 2 a 1.

Com a baixa criatividade, uma boa oportunidade só veio aparecer aos 38 minutos, quando Patrick avançou com liberdade pela esquerda e cruzou na medida para André cabecear bem, mas o goleiro Caíque mostrou qualidade e fez um milagre. O camisa 87 bateu rasteiro, mas Caíque se esticou e desviou para a linha de fundo.

Se a atuação do Sport no primeiro tempo foi satisfatória, o atual campeão pernambucano não tirou o pé do acelerador na etapa final.

O Sport voltou para o segundo tempo gostando do jogo, enquanto o Vitória entrou em campo tenso.

Sport: Magrão; Raul Prata, Henríquez, Ronaldo Alves e Mena; Anselmo, Patrick, Wesley (Rodrigo) e Diego Souza; Osvaldo (Lenis) e André (Juninho). Local: Barradão, Salvador (BA). Marcelo Aparecido de Souza mandou o atacante levantar e seguiu o jogo. Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho e Bruno Salgado Rizo (ambos de SP). Em cobrança de falta, Diego Souza bateu por cima da barreira, Caíque se esticou, mas não achou nada.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Taika Waititi wants to adapt Akira with all-Asian cast
Taika Waititi is currently enjoying the marketing blitz that accompanies the release of his upcoming Marvel film, Thor: Ragnarok . Asian teenagers would be the way to do it for me and probably no, not, like no name, I mean sort of unfound, untapped talent.

Caça espanhol despenha-se ao regressar do desfile militar
O Ministério da Defesa espanhol já informou que não há mais vítimas e diz que vai investigar as causas do acidente. Obrigado por ter ajudado a celebrar este dia em que você deu sua vida.

Família sequestrada no Afeganistão em 2012 é libertada pelas forças paquistanesas
A família está agora em território paquistanês, enquanto as autoridades tratam do seu regresso aos Estados Unidos ou ao Canadá. A informação da libertação foi inicialmente avançada pelo Exército paquistanês e confirmada entretanto pelos Estados Unidos.

Presidente do PSG é alvo de investigação na Suíça
Em março do ano passado, os procuradores suíços disseram que Valcke era suspeito de fraude e outros delitos. As investigações estariam apurando "suspeitas de corrupção privada" e gestão desleal.

Outras notícias