Fluminense vence, confirma permanência na Série A e complica a Ponte Preta

Crédito Fluminense

No duelo contra o Fluminense, no Maracanã, a Ponte Preta saiu na pior com a derrota por 2 a 0. Do outro lado, os campineiros seguem na zona da degola, com apenas 39.

O primeiro tempo do time carioca foi bem fraco e irritou os torcedores. O lance mais relevante foi a expulsão do volante Naldo, que recebeu dois cartões amarelos por duas faltas na mesma jogada.

"Acaba pesando bastante. Com um a menos a gente acaba se desgastando mais, não conseguindo chegar com a força necessária lá na frente", disse o goleiro Aranha, que evitou um placar mais elástico com pelo menos duas boas defesas.

O Fluminense insistiu e foi recompensado aos 14 minutos.

Nos minutos finais, o Fluminense aproveitou os espaços dados pela Ponte Preta para sacramentar a vitória, aos 41 minutos. Aos 13 minutos, Sornoza cobrou escanteio, e Henrique cabeceou para boa defesa de Aranha. No rebote, o próprio Henrique tocou para o meio da área, a bola bateu em muita gente e Douglas esticou o pé esquerdo para empurrar para o fundo da rede e fazer 1 a 0. Gustavo Scarpa arriscou de longe e acertou o travessão. Tudo por conta da briga entre Jô e Henrique Dourado, do Fluminense, pela artilharia do Campeonato Brasileiro de 2017.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Conservas chinas con parásitos estarían llegando a Ucayali
Ltd. y que "la alerta sanitaria a China se emitió dado que ese producto contaminado pone en riesgo la salud de los consumidores". Dijo que coordinará con Sanipes para realizar una vigilancia.

PT/Meo nega demissão de Cláudia Goya
Num comunicado oficial divulgado esta segunda-feira, a empresa diz ainda que "não comenta rumores". Segundo o mesmo jornal, Cláudia Goya foi demitida.

Outubro fechou com 77 mil postos de trabalho, alta de 20% — Caged
Considerando o período de 12 meses encerrado em outubro, a atividade rural também contratou mais do que demitiu. Outubro tem sido historicamente um mês de perda de empregos no campo, indicam os dados do Caged.

Trump declara Coreia do Norte patrocinadora do terrorismo
Bush com o propósito de salvar as negociações de um acordo nuclear com o país liderado, na altura, por Kim Jong-il - que acabaram por fracassar.

Outras notícias