Mário Centeno: "O objetivo é ganhar"

STEPHANIE LECOCQ  EPA

E representa ainda um dos cargos de maior peso na União Europeia (UE), ao lado dos presidentes da Eurocâmara, Antonio Tajani, da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, e do Conselho Europeu, Donald Tusk - todos conservadores -, e da chefe da diplomacia europeia, Federica Mogherini (social-democrata).

Nos meandros das negociações políticas que parecem acompanhar a corrida à presidência do Eurogrupo, o ministro das Finanças socialista da Eslováquia, Peter Kažimír, decidiu também avançar, de modo um tanto inesperado, ameaçando retirar o apoio de Centeno.

O primeiro a obter 10 dos 19 votos de seus colegas sucederá o holandês Jeroen Dijsselbloem, que presidiu o organismo intergovernamental por cinco anos, marcados pelo resgate da Grécia e a crise da dívida.

"O objectivo em qualquer eleição em que nos colocamos é obviamente ganhar. Claro que não sei isso, mas aparentemente está-me na cabeça". Além de Mário Centeno, concorrem ao cargo o luxemburguês Pierre Gramegna, o eslovaco Peter Kazimir e a letã Dana Reizniece-Ozola. O ainda presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem, referiu-se hoje a Mário Centeno como seu substituto na presidência do Eurogrupo.

Em declarações à entrada para a reunião do fórum de ministros das Finanças da zona euro, Moscovici lembrou que, embora tenha lugar à mesa, "são os (19) ministros que vão votar", e garantiu que trabalhará "muito bem" com quem quer que seja eleito, ainda que admita ter uma "preferência pessoal", por Mário Centeno, ainda que sem a assumir.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Cresce casos de HIV e Estado intensifica ações no combate à AIDS
Para reduzir o número de futuras infecções, a Europa precisa se concentrar em três áreas principais, segundo a OMS e o ECDC. O vírus é o causador da Aids, mas isso não significa que todas as pessoas que têm o vírus vão desenvolver a doença.

Dia Mundial de Combate à AIDS
O tratamento deve ser oferecido para todo paciente que receba o diagnóstico da infecção pelo HIV , e iniciado o quanto antes. Em alguns indivíduos isso acontece de forma muito rápida, e eles podem desenvolver a Aids em até dois anos após o contágio.

"Ganchos" en Pdvsa no logran lavar la imagen corrupta del régimen
El Parlamento citó al entonces ministro a rendir cuentas ante la plenaria, pero éste no compareció sin que la omisión le acarreara alguna sanción.

PM de Brasília evita ato terrorista com caminhão dos Bombeiros — Esplanada
No Congresso Nacional, eu paro - disse. Áudios obtidos pela reportagem revelaram também a negociação durante a perseguição. Após os tiros, o bombeiro perdeu o controle do veículo, que atingiu o meio-fio e parou.

Outras notícias