Papa vai encontrar-se com vítimas da ditadura — Chile

Papa Francisco

Ao menos três ataques a igrejas católicas foram registrados durante a madrugada desta sexta-feira em Santiago, no Chile.

A Latam apresentou nesta quinta-feira (11) o jato A321, personalizado para transportar o papa Francisco na viagem pelo Chile e Peru.

Os vândalos usaram explosivos caseiros para danificar a entrada e o interior das igrejas. Foram usadas bombas artesanais, que provocaram explosões nos locais.

A igreja Emmanuel de Recoleta também teve danos em suas portas e janelas, assim como a paróquia Cristo Vencedor, em Peñalolén.

Em outro local afetado foram encontrados alguns dizeres escritos nas paredes: "Pelo Papa (foram gastos em sua visita), milhões, (de pesos)".

A ex-candidata à Presidência Roxana Miranda engrossou, no Twitter, o coro dos descontentes com a visita papal. A principal suspeita é que tratam-se de organizações de cunho anarquista.

Lagos explicou que os números no Chile são explicados pelos casos de pedofilia que devastaram o país desde que, em 2010, foi revelado o caso do sacerdote Fernando Karadima, condenado pelo Vaticano por abuso sexual de menores.

A aeronave com capacidade para 220 passageiros recebeu elementos especialmente desenhados para esta viagem, que vão desde os cabeçotes e almofadas estampadas com o logo do Papa Francisco, além da mensagem #ElVuelodeFrancisco (O Voo de Francisco) estampado nos dois lados da fuselagem do avião.

Subsecretário do Interior, Mahmud Aleuy visitou duas das três igrejas atacadas.

O Chile prepara uma das maiores operações policiais de sua história para escoltar Jorge Mario Bergoglio. Serão utilizados carros, motos, drones, helicópteros e agentes a pé. Estão previstos 18 mil funcionários de segurança, sendo 9,5 mil somente em Santiago.

"Em uma democracia, podemos nos expressar, desde que de maneira pacífica e adequada", disse a presidente Michelle Bachelet, criticando os protestos contra o papa Francisco e classificando-os de "estranhos".

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Renovação de contrato entre Barcos e LDU está emperrada, informa repórter
A LDU (Liga Deportiva Universitária), do Equador, anunciou nesta quinta-feira a renovação de contrato do atacante Hernán Barcos . O acerto foi descartado diante da impossibilidade do clube pagar o salário exigido, cerca de R$ 230 mil.

Jornal critica 'bagunça' em vestiário do PSG e relembra polêmicas
O PSG volta a campo neste domingo, contra o Nantes, pela 20ª rodada do Campeonato Francês, às 18h. O Paris é o líder do Francês, com 50 pontos, nove a mais que o segundo colocado Monaco.

Guterres vai à Colômbia apoiar os esforços de paz
Apenas em 2017, migrantes enviaram para casa aproximadamente 600 bilhões de dólares em remessas, três vezes mais que a assistência oficial que recebem.

"Apanhar o Benfica é um desafio, uma oportunidade..." — Abel Ferreira
Uma coisa é divergências de opinião, outra é achar que se ganha de qualquer forma e que vale tudo. "Da minha parte não vale tudo". De seguida, Rui Vitória voltou a dizer que nunca descerá o nível, como, depreende-se, fez Sérgio Conceição.

Outras notícias