Tatuagens ajudam a prender membro da Yakuza que se escondia na Tailândia

Tatuagens ajudam a prender membro da Yakuza que se escondia na Tailândia

Shigeharu Shirai, de 74 anos, estava na Tailândia desde 2005 e fugido da Justiça há 15 anos.

Shirai era procurado pelas autoridades japoneses por vários crimes, nomeadamente pelo assassínio de um rival em 2003.

Depois do crime, fugiu para a Tailândia e casou-se.

O segredo de seu paradeiro parecia bem guardado até que um jornal local publicou uma foto desse homem magro jogando damas na rua, com o corpo cheio de tatuagens e uma das mãos sem o dedo mínimo, o popular mindinho.

O criminoso fazia parte de um pequeno grupo associado com os Yamaguchi-gumi, um grupo filiado ao maior gang japonês, os Yakuza.

"O suspeito admitiu ser o chefe da Yakuza Kodokai", disse nesta quinta-feira Wirachai Songmetta, porta-voz da polícia tailandesa.

As imagens tornaram-se virais nas redes sociais e despertaram a atenção da polícia japonesa, que logo alertou as autoridades da Tailândia.

Tal como os seus homólogos italianos - da Máfia - ou chineses - das Tríades - os yakuza vivem do dinheiro do jogo, da droga e da prostituição.

"O suspeito não confessou o homicídio, mas reconheceu que a vítima o ameaçava", acrescentou o porta-voz da polícia.

Shirai é acusado de ter matado o líder de uma facção rival, o que levou a que membros do seu grupo tenham sido condenados entre 12 e 17 anos de prisão.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

'O destino de uma nação' conta a história de Winston Churchill
O filme mostra Churchil prestes a encarar um de seus maiores desafios: tomar posse do cargo de Primeiro Mnistro da Grã-Bretanha. Você confere a programação dos cinemas da região no bloco Entretenimento, na capa do Portal Engeplus .

Vasco encaminha saída de Mateus Vital para o Corinthians
Ainda formando elenco para 2018, o time paulista chegou a um acordo com o Vasco para contratar o jovem meia Mateus Vital. Nas redes sociais, os torcedores cruz-maltinos não estão aprovando a atitude no fim da atual gestão por essas vendas.

Salvador Sobral vai ter alta hospitalar
O cantor, de 28 anos, foi submetido, a 8 de dezembro, a um transplante de coração, após lhe ter sido diagnosticado insuficiência cardíaca .

CGU identifica prejuízo de R$ 484 milhões anuais em benefícios do INSS
O órgão previdenciário tem até 30 dias para apresentar um plano de ação com medidas a serem adotadas para evitar o problema. Os acúmulos indevidos representam um gasto mensal de R$ 37 milhões e anual de R$ 484 milhões para os cofres públicos.

Outras notícias