Veja carta de Ilan Goldfajn sobre o descumprimento da meta de inflação

Alimentos ajudam a manter preços baixos mas plano de saúde pressionou custos

A taxa acumulada pela inflação no ano de 2017 foi de 2,95%, abaixo do limite inferior de 3% da meta de 4,5% estipulada pelo governo, mas acima do teto do intervalo das expectativas dos analistas, que iam de 2,74% a 2,89%, com mediana de 2,80%.

O sistema de metas de inflação foi criado em 1999 como uma forma de evitar o risco da hiperinflação, que atingiu o país nas décadas de 1980 e 1990 e só foi freada com o Plano Real em 1994.

Os dados foram divulgados hoje (10), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e indicam que, em dezembro, o IPCA fechou em 0,44%, ficando 0,16 ponto percentual acima do resultado de novembro (0,28%).

Segundo o analista da Coordenação de Índices de Preços ao Consumidor Fernando Gonçalves, a partir de agora deverá ocorrer um “realinhamento” dos preços dos alimentos. A meta central definida para o ano passado foi de 4,5%, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto porcentual para cima ou para baixo. Os juros básicos são o principal instrumento de controle da inflação pela autoridade monetária e só são reduzidos se a autoridade monetária tiver segurança de que o barateamento do crédito não vai gerar aumentos de preços. Ele lembrou que, desde o fim do ano passado, o IPCA voltou a aumentar para convergir em direção ao centro da meta. Atualmente, a Selic está em 7% ao ano, no menor nível da história. A última edição do Relatório de Inflação, divulgada pelo órgão em dezembro, projeta IPCA de 4,2% para 2018 e 2019. O assunto do encontro, conforme Goldfajn, foi a inflação registrada em 2017.

A meta inflacionária estabelecida, havia sido de 4,5%, mas como a inflação ficou abaixo dos 3%, o Banco Central terá que se manifestar por escrito ao ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, justificando o descumprimento da meta inflacionária que tinha sido estabelecida.

O Banco Central (BC) não atrasou os cortes de juros mesmo com a queda da inflação, disse hoje (10) o presidente do órgão, Ilan Goldfajn.

Na carta, o BC afirma que "em vista do comportamento excepcional dos preços dos alimentos no domicílio, decorrentes de choques fora do alcance da política monetária (como a oferta recorde de produtos agrícolas), o Banco Central do Brasil seguiu os bons princípios no gerenciamento da política monetária e não reagiu ao impacto primário do choque".

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Alemanha mais próxima de ter um governo
Horst Seehofer, da CSU, apontou a Páscoa, que este ano se comemora a 1 de Abril, como o ultimo prazo para o país ter um Executivo. Em novembro, Merkel falhou formar coligação com os democratas livres e os verdes.

Atenção ao falso cartão presente de 250 euros do Lidl — Fraude
Além disso, em declarações à TVI, fonte da empresa adianta que "já foram alertadas as autoridades competentes". A mensagem que está a ser partilhada é falsa e trata-se de uma fraude eletrónica.

"Silvio Santos volta atrás e recontrata Carlinhos Aguiar" — REVIRAVOLTA
Nesta semana, ele será chamado para uma reunião, na qual acertará os detalhes do seu retorno ao Jogo dos Pontinhos . Ele retorna para São Paulo no dia 20, e retoma as gravações no SBT no dia 22 deste mês.

Delegado é encontrado morto próximo a favela na Zona Norte do Rio
Os passantes, então, alertaram os policiais de plantão na cabine do 22º BPM (Maré), na Praça Dario Rogério, em Benfica. De acordo com a Polícia Civil, a Delegacia de Homicídios (DH) da Capital foi acionada e está investigando o crime.

Outras notícias