Real Madrid pode ter ajuda de empresa para contratar Neymar

Cristiano Ronaldo deixa 'vazar' intenção de Marco Asensio

Fornecedora de material de Barcelona e Paris Saint-Germain, a Nike pode ser o trunfo do Real Madrid para contratar Neymar já na próxima janela de transferências.

Segundo a publicação, a marca entraria com dinheiro para ajudar o clube a pagar a multa rescisória de 400 milhões de euros (R$1,6 bilhão).

Com a participação da Nike, o valor de € 400 milhões não seria tão absurdo assim para o Real Madrid, explica o "AS". Atualmente, o Real Madrid recebe € 40 milhões (R$ 160 milhões) anuais da Adidas, com quem tem vínculo até 2020. O vínculo entre as partes foi assinado em 2012 e, segundo o "As", está defasado, uma vez que é o menor pago para um gigante do futebol europeu.

A revista alemã "Der Spiegel" divulgou, com base em dados do "Football Leaks", que a Adidas ofereceu 1 bilhão de euros (R$ 4 bilhões) para renovar o contrato por mais dez anos. Isso porque o Real Madrid terá que abrir mão de alguns jogadores do seu elenco para conseguir cobrir a oferta do time francês, que só aceitará valores acima de 400 milhões de dólares pelo craque.

Depois de Cristiano Ronaldo, Neymar é o grande astro patrocinado pela Nike.

Por conta dos rumores, o presidente do PSG, Nasser Al Khelaifi, teria viajado ao Brasil para se encontrar com Neymar e tentar manter o camisa 10 no clube.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Mineroduto se rompe e despeja minério em manancial de Minas Gerais
A informação foi confirmada pela a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais (Semad). A pasta informou que o caso foi notificado também ao Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama).

Volkswagen anuncia grande recall para veículos brasileiros
Se isso acontecer, há grande risco de perda de dirigibilidade do veículo e, consequentemente, de acidente . A VW disponibiliza o telefone 0800 019 8866 e o site www.vw.com.br para agendamento e mais informações.

STF determina realização de perícia médica em Jorge Picciani
Picciani foi preso no ano passado pela Polícia Federal na Operação Cadeia Velha, por suposto recebimendo de propina. Após a conclusão da perícia , o ministro vai decidir se concede prisão domiciliar a Picciani.

Evento com 2.471 prefeitos une Alckmin e Temer em Brasília
Em seu site, o ministério diz que 2.053 cidades estão aptas a assinarem o termo de adesão ao projeto. Em órbita desde maio de 2017, o satélite tem vida útil de 18 anos.

Outras notícias