Atlético-MG bate o Vitória, conquista os primeiros pontos e afasta pressão

Atlético-MG x Vitória- imprensa

O Atlético-MG volta a campo contra o Corinthians, no próximo domingo, às 16 horas, novamente no estádio Independência.

Depois de algumas tentativas, o Atlético-MG abriu o placar do jogo. Podemos resumir assim a partida deste domingo, no Independência.

O segundo gol saiu também graças a Ricardo Oliveira. No ataque seguinte, Fábio Santos cruzou pela esquerda e a bola atravessou a grande área. Voltaram também à equipe o volante Adilson e o lateral-esquerdo Fábio Santos.

Aos 13 minutos, Patric cruzou pela direita e o zagueiro se esticou para mandar a bola pela linha de fundo. Otero fez o levantamento para a área e a defesa fez o corte pelo alto. Na sequência da jogada, Luan recebeu lançamento de Patric na grande área pela esquerda, em posição legal, mas a arbitragem assinalou impedimento.

Já o marcador foi aberto aos 19 minutos.

Atacante deixa sua marca e ainda auxilia Róger Guedes na primeira vitória do Galo no Brasileirão. Após falha na zaga, o veterano Ricardo Oliveira cruzou rasteiro para a pequena área e Róger Guedes desviou sem dar chances a Caíque. O venezuelano Otero deixou duas bolas na trave. Aos 19 minutos Gustavo Blanco fez bom lance pela esquerda, olhou para área a e cruzou na medida para Ricardo Oliveira, que cabeceou com categoria para marcar. Pouco a pouco o Galo foi equilibrando as ações e voltou a controlar o jogo. Tanto que Ricardo Oliveira dificultava a saída de bola da retaguarda do Vitória ao dar piques empolgantes para cima dos zagueiros e de Caíque. Mas a bola passou ao lado da trave.

Passada a "blitz" rubro-negra nos dez primeiros minutos, o Atlético se reencontrou na partida e equilibrou as ações ofensivas. Aos 27 minutos da segunda etapa, Róger Guedes ampliou para o Galo. Com os quatro de acréscimo dado pelo árbitro, o time baiano teve até uma chance para empatar, com Denílson, mas o atacante chutou por cima do gol. Quatro minutos depois, Róger Guedes sofreu falta na intermediária e Otero cobrou direto para a defesa de Caíque. O Vitória tentava aumentar a presença no ataque, mas os únicos momentos de perigo era na jogada ensaiada num escanteio curto. Aos 23 minutos, foi a vez de Neílton desperdiçar chance.

E aquele ditado surrado de "quem não faz, leva", entrou em ação.

Logo depois, Luan e Otero foram substituídos por Elias e Erik, respectivamente. Aos 31, Victor fez grande defesa no chute de Yago. Logo depois, Baumjohann diminuiu para o time baiano. Tirando uma finalização de Kanu, em jogada que o zagueiro estava impedido e já não valia mais nada, o goleiro do Galo não precisou fazer nenhuma intervenção na partida.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Dudu marca de cabeça e Palmeiras vence o Internacional; lances!
Aos cinco minutos, Camilo acionou Edenílson, que puxou para a perna esquerda e bateu cruzado, procurando o ângulo de Jailson. Mesmo com o 1º tempo sem muita inspiração das duas equipes, o alviverde conseguiu abriu o placar aos 39 minutos de partida.

Irão retomará "vigorosamente" enriquecimento de urânio se EUA romperem acordo
A reinstauração de sanções americanas ao Irão pode deitar por terra o acordo histórico assinado em 2015. Quando chegar o momento tomaremos uma decisão com base no nosso interesse nacional securitário.

Fogo na fábrica da Roca em Cantanhede controlado
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor. Pelas 21h00 decorriam operações de rescaldo. Descarregue a nossa App gratuita.

Carro capota, mata uma pessoa e deixa 3 feridos
Ainda segundo o Batalhão de Trânsito, as vítimas foram levadas para o Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC). Com o impacto, o carro ficou completamente destruído, às màrgens da pista.

Outras notícias