Ex-primeira-dama dos EUA tem piora e nega tratamento de saúde

Barbara Bush

Washington, Estados Unidos, 15 Abr 2018 (AFP) - A ex-primeira-dama dos Estados Unidos, Barbara Bush, está com a "saúde debilitada" depois de uma série de internações e "decidiu não procurar tratamento médico adicional", disse o gabinete de seu marido em um comunicado divulgado neste domingo (15).

De acordo com um comunicado oficial, não vai continuar com tratamentos médicos continuados e deverá permanecver em casa da família em Houston, estado do Texas.

Barbara Bush é mulher de George H.W. Bush, o 41º presidente dos EUA, e mãe de George W. Bush, o 43º presidente norte-americano. Tiveram seis filhos, entre eles George W. Bush, presidente dos Estados Unidos entre 2001 e 2009, e Jeb Bush, governador da Flórida entre 1999 e 2007.

McGrath não especificou quais são os problemas de saúde da ex-primeira-dama. Ela é casada com George H.W. Bush e mãe de George W. Bush. "Ela está cercada por uma família que ela adora e aprecia as muitas mensagens gentis e especialmente as orações que está recebendo", acrescentou o comunicado. Segundo a agência Associated Press, os dois estão casados há mais tempo do que qualquer casal presidencial da história americana.

A declaração não elaborou sobre o seu estado de saúde, mas Barbara Bush havia sido hospitalizada devido a uma bronquite em janeiro de 2017. Bush, que serviu como presidente entre 1989 e 19993, sofre da doença de Parkinson e usa scooter motorizada ou uma cadeira de rodas para se locomover.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Exército sírio anuncia reconquista total de Guta Oriental, último reduto rebelde
Nessa sexta, EUA, França e Reino Unido lançaram um ataque contra instalações da Síria em retaliação ao suposto ataque químico. O Exército sírio anunciou ter reconquistado integralmente o reduto rebelde em Ghouta Oriental, perto de Damasco.

Jovem morre atropelado na Av. Duque de Caixas; suspeito fugiu
Um homem morreu após ser atropelado por pelo menos dois carros na BR-369 em Apucarana na noite desta quinta-feira (12). A mulher apresentava sinais visíveis de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro.

"França não declarou guerra ao regime de Bashar al-Assad" — Macron
Ainda conforme o comunicado de Macron, o uso de armas químicas na Síria "é um perigo imediato para o povo sírio e para nossa segurança coletiva".

Filtros de óleo Mahle
Os filtros de óleo da Mahle são capazes de manter a quantidade do óleo a todos os momentos. Estes cartuchos são feitos de papel para assegurar que são amigos do ambiente.

Outras notícias