Morre ex-capitão da seleção inglesa, aos 61 anos

Inglaterra de luto pela morte do antigo capitão Ray Wilkins

Depois da estreia como sénior no Chelsea, Wilkins mudou-se depois para Old Trafford e conquistou a Taça de Inglaterra em 1982/83.

O meia teve passagem pelos Blues e também defendeu Manchester United, Milan e PSG. Wilkins jogou no Chelsea, Manchester United, Milan e Queens Park Rangers, entre outros clubes, e somou 84 jogos pela seleção nacional inglesa. Regressou mais tarde ao Chelsea como adjunto de Gianluca Vialli, Luiz Felipe Scolari e Carlo Ancelotti e fez parte da equipa técnica que conseguiu a "dobradinha" em 2009/10. Morreu esta quarta-feira, cinco dias depois. "Os pensamentos e condolências de todos da PFA estão com sua família e amigos", disse a Associação dos Futebolistas Profissionais da Inglaterra e País de Gales em comunicado. Wilkins defendeu o time alemão entre 1984 e 1987.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Familiares de Lula visitam ex-presidente na Superintendência da PF, em Curitiba
Muitos participam das atividades do acampamento, prestigiam nossas cozinhas e espaços culturais. "A relação também é boa com o comércio".

Temer preocupado com a Síria
O Itamaraty informou que não há registro de brasileiros entre as vítimas e que o governo brasileiro mantém contato regular com a comunidade brasileira que estão em território sírio .

PF investiga fraudes em previdências municipais — Operação Encilhamento
No Parana, são cumpridos apenas mandados de busca e apreensão em Palmeira, São Mateus do Sul, Colombo e Pinhais. As ações fazem parte da " Operação Encilhamento ", que apura fraudes em institutos de previdências municipais.

Candidatos podem fazer provas tanto para PM quanto Bombeiros
Já para os oficiais, o governo pagará R$ 7.089,13 depois que os aprovados no concurso e convocados terminarem o curso de formação. Com 50 vagas na Polícia Militar e 23 no Corpo de Bombeiros, o concurso de oficiais também está com inscrições abertas.

Outras notícias