Morre o economista Paul Singer, um dos fundadores do PT

O economista Paul Singer

Morreu aos 86 anos, o economista e fundador do Partido dos Trabalhadores (PT), Paul Singer, em São Paulo. O motivo da morte não foi informado. O velório será realizado no Cemitério Israelita, no Butantã, a partir das 9h desta terça.

Paul Singer nasceu em 1932, na Áustria, e chegou com a família judia ao Brasil em 1940, fugindo da perseguição nazista liderada por Adolf Hitler. Graduado em economia e doutor em Sociologia pela Universidade de São Paulo (USP), Singer teve uma infecção generalizada. Na mesma instituição, se tornou livre docente em demografia e professor titular em economia.

Durante a gestão de Luiza Erundina na Prefeitura de São Paulo (1989-1992), ele foi secretário de Planejamento.

O economista deixa três filhos, entre eles o jornalista André Singer, porta-voz da Presidência no governo Lula.

Paulo Singer foi um dos fundadores do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap), do Partido dos Trabalhadores e da Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares na USP. De 2003 a 2106, foi Secretário Nacional de Economia Solidária. Enviamos nossos sentimentos aos seus filhos André, Helena e Suzana. "Singer deixa o exemplo da coerência política, da militância de esquerda, do caráter reto e do intelectual que nunca mudou de lado", diz o comunicado assinado pela presidente da legenda, a senadora Gleisi Hoffmann.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Fazenda confirma Mansueto Almeida como novo secretário do Tesouro
Na esfera estadual, foi superintendente do Tesouro de Goiás e secretário de Planejamento e Gestão do Rio Grande do Sul. Alexandre Manoel Angelo da Silva também é técnico de Planejamento e Pesquisa do Ipea.

Trump elogia ataque contra a Síria
Do ponto de vista tático, esse tipo de munição é usado para expulsar combatentes de seus abrigos em residências, conforme o documento.

Coritiba confirma Eduardo Baptista como novo treinador
Mesmo com as dificuldades dos trabalhos mais recentes, Augusto Oliveira referendou o trabalho de Eduardo Baptista . Com 48 anos, Baptista estava desempregado após ser demitido durante o Campeonato Paulista pela Ponte Preta.

Urso chama atenção em jogo na Rússia e pode pinta na Copa
A Copa do Mundo da Rússia promete ficar marcada na história como o Mundial mais 'bizarro' de todos os tempos. Treinado para isso, o Urso entrou no estádio usando uma focinheira, junto a seu domador.

Outras notícias