Daesh ameaça decapitar Cristiano Ronaldo e Messi no Mundial

Daesh ameaça decapitar Cristiano Ronaldo | Foto

Ameaças terroristas contra a Copa do Mundo de 2018 estão sendo espalhadas por meio de contas Telegram atribuídas ao Daesh.

Tanto Ronaldo como Messi são vistos num cartaz de promoção ao Mundial com as cabeças cheias de golpes num estádio de futebol lotado por combatentes jihadistas mascarados, segundo avança o The Mirror. Na Internet, mostraram uma montagem com imagens dos dois jogadores a serem decapitados em campo. Essa não é a primeira vez que Messi é ameaçado pelo Daesh.

A imagem é uma das duas mais recentes de uma série de ameaças ao Campeonato de Futebol que começa no dia 14 de junho, na Rússia. Moscou, Kaliningrado, São Petersburgo, Volgogrado, Kazan, Samara, Nizhny Novgorod, Saransk, Rostov -on-Don, Sochi e Ekaterinburg vão sediar os jogos. Nizhny Novgorod vai receber jogos da fase de grupos, assim como os oitavos-de-final e as quartas-de-final.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

OFICIAL: Casillas continua mais uma época no FC Porto
O Jornal de Notícias refere que o guarda-redes espanhol aceitou reduzir o salário para continuar ao serviço dos portistas. Estou feliz e, pondo tudo na balança, há coisas mais importantes do que o factor económico.

António Costa: "Selvajaria não pode ficar impune"
O primeiro-ministro está a pronunciar-se sobre as agressões no Sporting, garantindo que "as forças de segurança têm agido para assegurar a punição dos criminosos de Alcochete".

Advogados de Lula pedem para delação da JBS não ir para Moro
Os defensores dizem que a posição da PGR contraria decisão anterior da corte e pode levar o ex-presidente a ser investigado por "fatos similares em juízos distintos".

Irã: 'Sanções dos EUA visam impedir manutenção de acordo nuclear'
O pacto, firmado também com Reino Unido, França, Alemanha, Rússia e China, bloqueava sanções contra a economia iraniana em troca do congelamento de seu programa nuclear.

Outras notícias