Especialistas consideram resolvido o mistério do avião desaparecido da Malaysia Airlines

POOL New  Reuters POOL New  Reuters

Em duas ocasiões, quem estava no comando do avião -e provavelmente era a única pessoa acordada- inclinou a aeronave à esquerda.

A equipe do programa "60 Minutes" trata o caso como um plano de suicídio do comandante Zaharie Ahmad Shah, de 53 anos, que acumulava quase 20 mil horas de voo.

A conclusão da equipe da rede australiana é uma teoria. Isto explica o silêncio no avião à medida que mudava drasticamente de curso: nenhum sinal de alerta do rádio do avião, nenhum texto de adeus, nenhuma tentativa de ligação de emergência.

Os destroços não foram encontrados, apesar das centenas de milhões de dólares gastos na busca durante quatro anos. O segredo do que aconteceu nos momentos finais do voo e a motivação provavelmente morreu com os passageiros e o piloto.

Ainda segundo esse grupo, formado por ex-pilotos, o ex-chefe da aviação civil da Austrália, especialistas em segurança aérea e um oceanógrafo, Zaharie teria provocado a despressurização da cabine para deixar os ocupantes inconscientes e usava uma máscara de oxigênio.

"O que é mais discutido é o momento em que o piloto desligou o transponder e despressurizou o avião, incapacitando os passageiros", disse Larry Vance, um veterano investigador de acidentes aéreos no Canada. "E fez isso deliberadamente".

Hardy descobriu também que o capitão mergulhou a asa do avião sobre Penang, a sua terra natal.

"Se você olhar cuidadosamente, verá que é realmente uma curva à esquerda, e então inicia uma longa curva à direita. Após dois ou três meses pensando nisso, cheguei à resposta: alguém estava olhando pela janela".

"Pode ter sido um longo e emocional adeus", disse Hardu. "Ou um pequeno adeus emocional à sua cidade natal". "Se me pagassem para fazer desaparecer um Boeing 777, eu teria feito exatamente o mesmo".

A aeronave teria caído no extremo sul do oceano Índico.

As buscas foram por anos conduzidas pela Malásia, China e Austrália e chegaram ao fim no início do ano passado.

Segundo eles, é porque Zaharie queria. Entre as evidências contra Zaharie estavam sua experiência e a construção de um simulador de voo em sua casa, no qual teria planejado o massacre. Por exemplo, ele voou perto da fronteira da Tailândia com a Malásia, entrecruzando o espaço aéreo entre os dois países.

"Os dois controladores não estavam incomodadas com esta misteriosa aeronave porque, ah, ela se foi, não está mais no nosso espaço", disse Hardy. "Se você me contratasse para essa operação e tentar fazer um 777 desaparecer, eu faria o mesmo. Foi tudo muito preciso", explicou um dos especialistas.

A investigação oficial revelou que Zaharie e o copiloto Fariq Abdul Hamid foram os principais suspeitos pela tragédia. Havia rumores que o casamento de Zaharie estava terminando e ele derrubou o avião após saber que sua esposa estava saindo de casa, informou o site australiano News.com.au.

Outra teoria foi que ele sequestrou o avião em protesto pela prisão de Anwar Ibrahim, que era na época o líder da oposição na Malásia.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Família de jogador do SP é mantida refém por assaltantes em MT
As vítimas ainda informaram aos policiais que dois homens encapuzados e com armas pularam o muro para invadir a casa. Foram roubados televisores, joias, computador e videogame, além de uma BMW 120i e uma Land Rover Evoque.

"Neymar nunca vai ganhar nada importante no PSG", diz Rivaldo
"Depois, ele joga num clube sem história", afirmou Rivaldo , em entrevista ao jornal italiano " Gazzetta dello Sport ". Segundo a publicação, Neymar pai deixou claro ao PSG que o filho quer deixar o clube ao fim desta temporada.

Spike Lee regressa a Cannes com "BlacKkKlansman"
O mesmo Spike Lee se entregou a um discurso contundente contra o presidente Trump nesta terça-feira (15) diante dos repórteres. Em 2011, nesse mesmo festival, ele afirmou que podia compreender Hitler, o que o levou a ser expulso da mostra de cinema.

Filtros de óleo Mahle
Os filtros de óleo da Mahle são capazes de manter a quantidade do óleo a todos os momentos. Estes cartuchos são feitos de papel para assegurar que são amigos do ambiente.

Outras notícias