Gilmar Mendes também manda soltar Milton Lyra, operador do MDB

Gilmar Mendes também manda soltar Milton Lyra, operador do MDB

O ministro Gilmar Mendes mandou soltar nesta 3ª feira (15.mai.2018) o lobista Milton Lyra, apontado como suposto operador do MDB do Senado.

Com isso Gilmar contraria Raquel Dodge, que na última sexta-feira pediu a manutenção da prisão preventiva de Lyra.

"Com a entrada em vigor da Lei 12.403/2011, nos termos da nova redação do artigo 319 do CPP, o juiz passa a dispor de outras medidas cautelares de natureza pessoal diversas da prisão, admitindo, diante das circunstâncias do caso concreto, seja escolhida a medida mais ajustada às peculiaridades da espécie, permitindo, assim, a tutela do meio social, mas também servindo, mesmo que cautelarmente, de resposta justa e proporcional ao mal supostamente causado pelo acusado", disse Gilmar. "Não havia motivo ou razão para a prisão de alguém que ja estava a disposição da justiça para prestar todos os esclarecimentos", afirmou em nota.

Uma ex-assessora do ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, após a repercussão do caso relacionado a supostos patrocínios considerados ocultos direcionados ao Instituto Brasiliense de Direito Público, que tem como sócios majoritários o próprio ministro da Suprema Corte e alguns de seus familiares, fez uma revelação a respeito do papel do ministro Mendes e tomou para si a responsabilidade na concretização dos contratos firmados entre patrocinadores e o Instituto atribuído ao magistrado do Supremo. Para o ministro, as acusações são de crimes graves, mas que teriam ocorrido até 2016. "É claro que nos sobreonera, nós paramos quatro meses do plenário para julgar", completou o ministro.

Segundo a força-tarefa da Lava-Jato, Lyra organizou junto aos doleiros Vinicius Claret, Claudio Barboza e Alessandro Laber um esquema responsável por distribuir mais de 10 milhões de dólares em propina.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Joesley é denunciado por corrupção em caso de 'compra' de procurador
Só há uma explicação: "ou desconhecem que o acordo não está rescindido ou desconhecem a manifestação da PGR", completou. Segundo o MP, o presidente da OAB-DF teria ficado com um terço desse valor para ajudar a corromper o procurador.

Mulher confunde linguiça com cobra e aciona Corpo de Bombeiros
Contudo, quando os militares chegaram à residência no Bairro Maria Eugênia, perceberam que se tratava de uma linguiça. O nome da moradora foi mantido em segredo a pedido dela, que agora teme ser alvo de comportamento vexatório.

Sporting CP: Marta Soares vai convocar órgãos sociais para segunda-feira
Jaime Marta Soares reagiu aos incidentes desta tarde na academia de Alcochete, manifestando "apoio incondicional à equipa técnica e jogadores".

Exibindo boa forma, Paolla Oliveira lança filme
Paolla Oliveira escolheu um look ousado para comparecer à pré-estreia de seu mais novo filme, 'Alguém como eu' . O evento também contou com outros artistas, como Júlia Rabello , Ricardo Pereira e Vitória Strada .

Outras notícias