Ministro Adjunto pede "escusa de intervir" no processo que envolve a EDP

Analistas acreditam em ofertas concorrentes sobre a EDP

Pedro Siza Vieira justifica este pedido, aceite pelo primeiro-ministro, para afastar "qualquer dúvida sobre a sua imparcialidade na análise de quaisquer questões relativas ao setor elétrico". O pedido foi feita na passada sexta-feira e comunicado esta terça-feira.

António Costa deu assim deferimento ao pedido de Siza Vieira, de "não intervir em matérias relacionadas com o sector eléctrico enquanto se encontrar em curso a OPA" à EDP e à EDP Renováveis, ou se mantiver o envolvimento na mesma da sociedade Linklaters. Em causa está o facto de a CTG ter escolhido a Linklaters para a representar, uma sociedade de advogados da qual Pedro Siza Vieira foi sócio durante 16 anos.

O despacho de António Costa produz efeito a partir de 11 de maio, ou seja, sexta-feira passado, o dia em que foram lançadas as ofertas públicas de aquisição (OPA) sobre a EDP e sobre a China Three Gorges.

De acordo com o anúncio preliminar de lançamento da OPA, a China Three Gorges a contrapartida oferecida avalia a EDP em cerca de 11,9 mil milhões de euros.

Relacionado:

Comentários

Últimas notícias

Está em desenvolvimento série de terror de antologia de Guillermo del Toro
Por Felipe Vinha → Guillermo del Toro ganhará uma série de antologias de horror para chamar de sua, a ser lançada pela Netflix . Del Toro também deve dirigir e assinar alguns dos roteiros dos episódios.

Com novidades, F1 2018 ganha data de lançamento
Fora isso, nem precisaria dizer, mas o game contará com todas as equipes oficiais, circuitos e pilotos licenciados da temporada 2018, que já está rolando.

PM e bandidos morrem durante assalto a ônibus que vinha para Brasília
Outros dois passageiros também ficaram feridos e foram encaminhados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Luziânia. Após o ocorrido, o ônibus parou em um posto que fica nas proximidades onde acionou o socorro.

Nadal vai dar tiro de partida nas 24 Horas de Le Mans
Hemsworth, nascido em Melbourne, vive a sua presença na corrida 'rainha' da IndyCar com grande entusiasmo: "Estou muito excitado por estar nas Indy500 deste ano.

Outras notícias